Depoimentos

Publique aqui seu depoimento, sua experiência pessoal com a fibrilação atrial. Fale sobre técnicas alternativas e/ou procedimentos adotadas para conviver melhor com o problema. Ou ainda, para aqueles que se aventuraram em uma ablação por cateter, por favor, contem como foi a experiência e como estão se sentindo atualmente.

Os depoimentos serão enviados automaticamente para mim, e, logo após minha aprovação, serão publicados aqui no site. Funciona desta maneira para evitar que comentários criados por robôs de propaganda sejam publicados indevidamente. Normalmente em 24h seu comentário já deve estar aprovado e disponível para todos os leitores do blog.

410 Comentários

410 opiniões sobre “Depoimentos

Navegação de Comentários

  1. D.S.

    Arno, penso que a sua situação sendo estável, e como está protegido com o anticoagulante Eliquis, não correrá grandes riscos. De qualquer forma, uma consulta ao cardiologista é sempre recomendável.
    Eu tenho fibrilhação paroxística e as minhas crises não são de ignorar. Vou fazer ablação!
    Um abraço!

  2. Nome: Arno

    Email: arno@mhbpar.com.br

    Idade: 67

    Sexo: Masculino

    País: Brasil

    Estado: Rio Grande do Sul

    Profissão: Empresário

    Medicamentos: ELIQUIS 5mg

    Pressão Alta: Não

    A quanto tempo tem fibrilação atrial?: 2 anos

    Já pensou em fazer ablação?: Não

    Website:

    Comentário: Sou fibrilado crônico assintomático. Quando descoberta a condição a pouco mais de 2 anos a ablação já não era recomendada pelo longo período de fibrilação já vivido pois tinha histórico de mais de 30 anos com extra sístoles que acabaram revertendo em algum momento para fibrilação. Tenho evitado os cardiologistas na medida do possível pois a cada nova consulta sugerem mais uma medicação (como beta bloqueador) e me sinto como um objeto raro que merece estudo e experimentos. Tenho uma vida normal evitando excessos e caminhada ao invés de automóvel sempre que possível. Aposentado com engenheiro em telecomunicações me dedico como diretor de finanças em duas empresas para manter o cérebro e corpo ocupado. Tenho poucas informações sobre perspectivas de vida para fibrilados e não procuro muito a internet pois as informações podem ser falsas ou erradas. Sequer sei diferenciar as mudanças pela condição cardíacas e as da própria idade já que elas se sobrepõem. Gostaria de saber de outros nesta condição pois não conheço ninguém pessoalmente nesta situação.

    • ronaldomarinho65

      Boa tarde.

      Fiz a ablação depois de dois anos de arritmia, também e fui sucedido parcialmente, mas estou muito melhor do que antes. Tenho 51 anos hoje, mas, fiz com 50, e meu médico foi muito seguro ao me recomendar.
      Tratei no hospital Instituto Biocor em BH e lá são muito bons.
      Talvez, valha a pena uma visita sua lá.

      Sucesso!!

Navegação de Comentários

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.

%d blogueiros gostam disto: